SOCIEDADE
 
Rotary Club de Arouca associa-se ao “Cuidar em Timor”
 
Margarida Oliveira, ao centro, com as colegas voluntárias
Objectivo é ajudar a dotar um centro de saúde local de bens básicos à prática de medicina, essenciais à saúde e à vida | NOTÍCIA COM MAIS DE 1200 VISUALIZAÇÕES
 
  Outras acções...
 Enviar a um amigo
 sugerir site
Projecto "Cuidar em Timor" é dinamizado por três jovens portuguesas que partem a 4 de Julho para Timor onde, durante três meses, vão apoiar os médicos locais nos cuidados de saúde. Rotary Club de Arouca vai ajudar na recolha de material médico, mas todos são convidados a ajudar.
Margarida Oliveira é arouquense. É médica. Juntamente com as colegas Ana Patrícia Rosa e Andreia Fernandes, de Braga e Barcelos, vão partir para Timor com o objectivo de dotar um centro de saúde local de bens básicos à prática de medicina, essenciais à saúde e à vida.
"Pedimos uma suspensão do nosso internato médico (equivalente a licença sem vencimento), por um período de três meses, de modo a desenvolvermos um projecto de voluntariado médico, nos meses de Julho a Setembro de 2017, em Timor-Leste, mais precisamente em Laleia (aldeia situada a cerca de três horas da capital, Dili) e arredores. Este projecto tem a colaboração do Centro de Saúde de Laleia e Cairui e vai-nos permitir trabalhar em conjunto com os profissionais de saúde dos mesmos: quer no âmbito da formação de outros profissionais de saúde, quer na intervenção local com sessões de educação para a saúde para a comunidade em diversas áreas (saúde infantil, saúde materna, patologia respiratória, cardiovascular, dermatológica, entre outras)", explicou Margarida Oliveira.
A aventura, cujos detalhes e formas de doações podem ser consultados em www.facebook.com/cuidaremtimor, conta com o apoio dos Frades Menores Capuchinhos, da paróquia local, no que diz respeito ao alojamento e alimentação.
O Rotary Club de Arouca, bem como os clubes de Braga e Barcelos, está a colaborar com o transporte e alguns materiais, mas todos são convidados a colaborar com os materiais identificados como necessários por parte das jovens médicas. Os donativos podem ser entregues na Junta de Freguesia de Alvarenga, AECA (no edifício da central de camionagem de Arouca), Comissão de Protecção de Crianças e Jovens em Risco (Via Verde Social - em frente ao Mosteiro de Arouca) e Centro Social de Fermedo/Escariz e Mato. 2017-06-18

Os materiais urgentes são os seguintes:
Câmaras expansoras - marca Vortex, 2 tamanhos: adulto e pediátrico;
Esterilizador (pode ser já utilizado), tamanho compatível com as máscaras de tamanho adulto;
Termómetros digitais;
Compressas esterilizadas (pequenas e grandes);
Luvas esterilizadas e não esterilizadas tamanho M;
2 kits de sutura: pinça com dente de crocodilo, 1 tesoura de ponta romba, 1 porta agulhas, 1 campo cirúrgico fenestrado em papel dupla face;
Fios de seda 2/0 e 4/0 com agulha circular;
Seringas (5ml, 10ml, 20ml);
Agulhas subcutâneas, intramusculares;
Pensos rápidos;
Teste rápido de urina - Combur;
Recipientes de plástico esterilizados para transporte de urina (até 100ml);
Betadine pomada;
Soro fisiológico (NaCl 0,9%, frascos 500ml);
Água oxigenada (frascos até 200ml);
Espéculos de ouvido tamanho pediátrico e adulto;
Espátulas de madeira ("abaixadores de língua").
 
Arouca

Quinta, 19 de Outubro de 2017

Actual
Temp: 16º
Vento: SSW a 3 km/h
Precip: 0 mm
Nevoeiro
Sex
T 18º
V 5 km/h
Sáb
T 16º
V 6 km/h
PUB.
PUB.
 
INQUÉRITO
Vai participar no "Festival da Castanha" que se realiza no final do mês em Arouca?
 
 
A Frase...

"O que tem sido feito pela CMA para aumentar o volume de visitas no Museu Municipal?"

Alda Portugal (PSD), na AM de Setembro

EDIÇÃO IMPRESSA

RSS Adicione ao Google Adicione ao NetVibes Adicione ao Yahoo!
PUB.
Desenvolvido por Hugo Valente | Powered By xSitev2p | Design By Coisas da Web | 50 visitantes online